Dia Mundial do Meio Ambiente é Realizado com Palestras em Pimenteiras

Data: 06/06/2024

A Prefeitura de Pimenteiras por Meio da Secretaria Municipal de Meio Ambiente e Recursos Hídricos – SEMMAR, em parceria com as Secretarias Municipais de Agricultura, Educação, Assistência Social, demais componentes da administração pública, vem realizando desde o dia 04 de junho atividades que compõem a programação da 8ª edição da Semana de Meio Ambiente, cujo tema central é: "Acelerar a Restauração da Terra, a Resiliência à Seca e o Progresso da Desertificação".

O processo de degradação, a desertificação e as secas representam ameaças graves à segurança alimentar, à biodiversidade e à qualidade da água.

Na manhã desta quarta-feira, no Dia Mundial do Meio Ambiente 05/06, ocorreu um leque de atividades alusivas ao dia e alinhadas à temática central. 

A solenidade de abertura foi conduzida pela bióloga da SEMMAR, estavam presentes conselheiros tutelares, brigadistas, alunos da rede pública de ensino e seus professores, presentes também autoridades da gestão municipal, como as Secretárias de Administração e de Assistência Social, os Secretários de Agricultura e da SEMMAR, representantes da Secretaria de Cultura e de Educação; do Poder Legislativo, compareceu o presidente da Câmara Municipal de Vereadores, compondo assim a mesa de honra com personalidades do Poder Executivo e Legislativo.

Quando essa foi desfeita, dada as devidas falas, houve sequencia à programação do dia com três palestrantes.

A primeira palestra do dia foi proferida pelo palestrante Ricardo Barra de Oliveira, Gestor Ambiental – IFAL, Especialista em Gestão de Recursos Ambientais no Semiárido – IFPI, então Coordenador de Planejamento do órgão Ambiental local, cujo tema foi: "Mudanças Climáticas e Sustentabilidade Ambiental". 

A palestra subsequente foi conduzida pelo engenheiro agrônomo pela UESPI, especialista em Gestão de Recursos Ambientais no Semiárido –IFPI, secretário de Meio Ambiente e Recursos Hídricos, onde apresentou os projetos desenvolvidos no município afim de recuperar áreas degradadas no município.

Na sequência, o ambientalista responsável apresentou o projeto ambiental por ele desenvolvido e implementado em Pimenteiras-PI, intitulado “Plante uma Árvore e Salve o Planeta", onde há incentivo aos produtores locais a desenvolverem mudas de plantas, o que serve como uma espécie de horto de plantas nativas para auxiliar no combate à áreas degradadas.

O parecer do secretário da SEMMAR disse que a degradação do solo leva à perda de biodiversidade, à diminuição da produtividade agrícola, ao aumento da desertificação,  à intensificação das mudanças climáticas e que os debates gerados objetivam mobilizar governos, empresas e a sociedade civil para restaurar ecossistemas degradados, proteger terras áridas e semiáridas é promover a resiliência à seca.



























De 0 a 10, quanto você avalia nosso site?